Return to site

Adolescentes precisam mais de contato social do que de redes sociais

por Lauren Sliker

· Artigos,Lauren Sliker,IHOPKC

Ser uma adolescente em uma comunidade bíblica tem, sim, suas vantagens. Adoração e relacionamento face a face são alguns deles. O que é mais difícil para mim, porém, é encontrar relacionamentos de qualidade e comprometimento nos que estão ao meu redor. Na realidade, é difícil conhecer pessoas com quem seja possível comprometer-me, porque os que estão ao nosso redor não estão prestando atenção de verdade. Tenho alguns amigos com quem não converso frente a frente há uns meses—apenas através de infinitas mensagens de texto—, são relacionamentos de celular. Eu não entendo realmente quem eles são como pessoa além do que me passam nas nossas conversas curtas, disfuncionais e egocêntricas.

A questão é que passamos muito tempo no celular, ao invés de conhecer os amigos como valorosos e esforçados filhos de Deus. O que acontece, então? Nós perdemos o valor bíblico de amizade e comprometimento. Nós nos confundimos na autocomiseração, porque nossa vida não é tão legal quanto a vida daquela garota que mora na Califórnia e tem a pele perfeita, ou daquele garoto que tem abdômen definido e mais garotas que você. Ficamos sufocados nas nossas suposições e fofocas, porque não temos uma conexão real com ninguém e nos afogamos.

A autoimagem tornou-se tão importante para nós que nos esquecemos de cuidar do nosso espírito e da eternidade infindável, na qual teremos de viver com as consequências de nossas ações. Eclesiastes 12:13-14 diz:

De tudo o que se tem ouvido, o fim é: Teme a Deus, e guarda os seus mandamentos; porque isto é o dever de todo o homem. Porque Deus há de trazer a juízo toda a obra, e até tudo o que está encoberto, quer seja bom, quer seja mau.

Isso é assustador. Tudo o que dizemos, fazemos ou pensamos é escutado, e seremos julgados sobre essas coisas, se iremos ficar no céu ou queimar no inferno por toda a eternidade. Para mim, isso é mais importante do que o que Jéssica disse para a Raquel sobre o que Ana falou a ela sobre Heloísa quando a Diana contou sobre a irmã de Lídia.

Se alguém entre vós cuida ser religioso, e não refreia a sua língua, antes engana o seu coração, a religião desse é vã.

Tiago 1:26

Ele descobrirá tudo. Todas as coisas escondidas. Tudo será revelado. Assustador, não é mesmo? A vida é mais do que simplesmente relacionar-se com pessoas e receber curtidas. O fim principal do homem é glorificar a Deus e apreciá-lo para sempre. A vida não é para dar glória e apreciação a nós mesmos ou a qualquer outra pessoa. Então, por que colocamos isso como nossa prioridade? Porque no vazio da ausência de Deus, sobrepomos algo em seu lugar—redes sociais. Isso vai matar seu coração de amor.

Por que eu estou aqui?

Toda pessoa que já existiu fez a mesma pergunta ao menos uma vez durante sua vida. Quem eu sou e por que eu estou aqui? Tudo se resume a poder e respeito? Talvez atenção e autoimagem? Ouvimos que a vida é para conhecimento e entendimento, família e felicidade, ou mesmo para amizade e aproveitamento máximo. Qual está correto, então? Qual é a razão verdadeira pela qual estamos vivos?

Na verdade (surpreendentemente), absolutamente nenhuma das opções define por que estamos aqui. Todos nós crescemos nos ideais das nossas culturas corruptas e tentamos saciar o desejo inconcreto do que nossos pais e seus pais e os pais de seus pais achavam que ficaria bonito em um cartão decorado, ao invés de parar e analisar qual era o desejo original do nosso primeiro patriarca.

Lembra-se daquele que foi criado antes mesmo que as coisas ao seu redor tivessem um nome? Aquele que veio direto à presença do Senhor, provavelmente sem umbigo, e esteve vulnerável e seguro, desejando nada mais do que buscar cada aspecto do ser eterno que havia preenchido suas veias com seu sopro?

Ele foi criado pelo Senhor dos céus para amar e ser amado no jardim. Ele foi feito para andar com Deus no orvalho reluzente, na tarde arejada e na noite fresca. Ele foi feito por um Deus tão lindo, delicado e, ao mesmo tempo, grande e onipotente, que simplesmente falava e, de repente, as coisas passavam a existir. Deus é bondoso e misericordioso, mas, também, o juiz de todas as coisas vivas e mortas. Como alguém pode ser tão ignorante a ponto de escolher qualquer outro caminho senão o que vai em direção a Ele?

Fomos feitos para o face a face

Moisés brilhava após ter uma conversa face a face com Deus. Fomos feitos para o face a face. Fomos feitos para andar lado a lado, e não sobre um grande e cego espaço com uma tela acesa, no qual somos impedidos de olhar nos olhos de alguém para ver se o que dizem é real ou mentira.

Por que pensaríamos em viver por uma curtida daquela menina no Facebook quando poderíamos estar na paz e alegria Dele por toda a eternidade?

 

No nosso negar a Cristo e falta de preenchimento do vazio que existe em nós, lutamos para encontrar um deus nas coisas à nossa volta. Como os gregos antigos e seus deuses imorais loucos ou americanos e sua autoimagem ou televisão, somos apenas humanos fracos na nossa autoafirmação, buscando por algo que substitua Deus. Mídias sociais são como um ídolo que usamos para substituir Deus. Adoramos a nossa autoimagem. Adoramos a imagem de outros.

 

O que eu mais detesto sobre mídias sociais é que pessoas permanecem em seus pecados e na sua escuridão pelo fato de "todos estão fazendo isso". A sua única motivação para algo deveria ser a glória de Deus, e não para a sua glória aos olhos dos homens. Sabe o que mais todo mundo está fazendo? Ficando sozinho, perdido em seus pecados e vazios, escravo das vontades de Satanás, desejando a Jesus. Não faça algo por todos estarem fazendo. Faça algo por Jesus ter feito aquilo. Ele tem um plano para você. Será alvoroçado, esquisito e um pouco louco, mas todos os que já passaram por isso provaram que é absolutamente incrível. A jornada extravagante toda leva ao face a face por toda a eternidade com Aquele que desejamos desde a criação.

Deus é seu Pai

Quem sou eu e por que eu estou aqui? Os cientistas querem que você acredite que você é um acidente. Querem te convencer de que, após trilhões e trilhões de anos, de repente, houve um você e não há nada para que viver, senão a eventual morte. Apenas uma pergunta. Se somos simples acidentes, por que não somos desprovidos de sentimento e lei, como os animais? Porque você não é um acidente. Você foi formado de forma cuidadosa e meticulosa para um propósito específico—glorificar e apreciar o Deus dos céus por toda a eternidade. Em outras palavras, amar e ser amado.

Deus é um Pai. Deus é o seu Pai. Isso gera mudança de vida em qualquer pessoa que, após receber essa informação, entende plenamente o seu significado. Para os que precisam de uma ajudinha, isso significa que o Senhor, o Deus dos céus, criador do universo e de todos os complexos detalhes de cada molécula, o Deus que não tem fim em seu tamanho e idade, te adotou como seu filho. Ele pagou o preço à orfandade abusiva que te detinha e te tornou filho dele. Tudo o que Ele pede é que você deixe-o cuidar de você e te ajudar a crescer. Deixar que Ele seja o seu Pai. Um erro comum, porém, é projetar os erros do teu próprio pai em Deus.

Quão incrível Deus é? Ele nunca teve um começo. Ele nunca terá um fim. Ele vive e viverá por toda a eternidade com Ele mesmo na trindade e sempre soube de todas as coisas. Ele tem todo o conhecimento, sabedoria e glória.

Ele é amor. Essa é a sua natureza e nome. Um argumento comum contra Deus é: se ele já sabia que pecaríamos, então por que nos criou? Bem, porque Ele nos amou tanto e não queria nada além estar conosco para sempre.

E mais uma coisa

Pediram que eu escrevesse um artigo sobre a destruição das mídias sociais, mas eu tenho um problema real com isso, porque eu mesma não tenho acesso ilimitado às redes. Isso por conta de meus pais e suas convicções, para o meu desânimo, já que, aos 12 anos, eu queria uma "máquina" de mensagens de texto como a das minhas amigas. Com o passar dos anos, tudo isso tem sido um soco na minha barriga, sendo uma filha protegida de pastor que apenas queria estar conectada com o mundo. Eu não percebi, porém, por muitas vezes, como os limites definidos pelos meus pais têm sido uma bênção disfarçada.

Estar conectado com o mundo é exatamente o oposto

do que Jesus nos chamou para fazer (Romanos 12:2)

Quando nos tornamos parte deste mundo, perdemos a nossa conexão profunda com o Espírito Santo. Paulo nos chama para ser transformados pela renovação do nosso entendimento, para ser mudados pelo sangue de Jesus. Ao invés disso, nossas mentes estão extremamente cheias com mídias sociais e a constante e obsessiva necessidade de checar nossas curtidas em uma foto e como a comida da Julia é. Quão cansativo é preocupar-se com a qualidade da vida das outras pessoas.

Por ter sido mantida longe deste mundo todo, eu tive a oportunidade de aprender as dificuldades da interação face a face com o Espírito Santo e a navegação da minha alma, vazio do tráfico constante ao redor das "conversas" ilimitadas com meus amigos. Eu pude conversar com as pessoas. Eu pude entender minha personalidade e minha beleza individual e ser confiante nela. Isso não é algo que pode ser alcançado em uma vida que nunca está desvencilhada do tráfico da vida das pessoas. É necessário focar na tua própria vida. Não importa o quanto doa; nenhuma dor pode superar o poder de cura do amor de Jesus Cristo.

A nossa corrupção e pecado são armadilhas que nos fazem pensar que a vida é difícil, que somos vazios e sozinhos e despedaçados na nossa falta de significado evidente. Eu te desafio a pedir que Cristo te ajude a se libertar da mentira e ver como o fardo dele é leve. Você tem um propósito. Você tem significância. Você não é esquecido. Deixe que Ele te ame, porque Ele não está longe. Ele espera por você deixar que Ele entre.

Traduzido por Base Publishing Team | Artigo Original

Lauren Sliker

Lauren Sliker é uma garota de 16 anos que vive em Kansas City, Missouri. Ela e seus três irmãos, Riley, Daniel e Finney juntamente com seus adoráveis pais são parte da Casa de Oração Internacional de Kansas City, onde passaram os últimos 15 anos buscando uma vida centrada em Cristo.

Ela também ama chocolate, caso você tenha sido abençoado com este blog e desejar agradece-la 😉

All Posts
×

Almost done…

We just sent you an email. Please click the link in the email to confirm your subscription!

OKSubscriptions powered by Strikingly